Cyborg aponta falta de rivais para Amanda Nunes e sugere revanche

Todo mundo sabe que Cris ‘Cyborg’ mira uma revanche contra Amanda Nunes desde a derrota por nocaute sofrida em dezembro de 2018, na qual perdeu o cinturão peso-pena (66 kg) do UFC.

Em entrevista ao site “LowKickMMA”, a curitibana justificou seu pleito ao destacar a aparente falta de adversárias à altura da compatriota no plantel do UFC, seja no peso-galo (61 kg) ou no pena. Amanda está escalada para fazer sua primeira defesa de cinturão na categoria até 66 kg diante de Felicia Spencer.

“Nunes está se preparando para defender seu cinturão contra uma garota que eu venci de forma bem decisiva em três rounds. Depois dessa luta, ela tem uma revanche com Valentina Shevchenko e nenhuma outra opção real para oponentes de qualidade. Quem ela vai enfrentar depois disso?”

Mesmo com sua argumentação, uma segunda peleja entre Cris e Amanda Nunes não parece ser algo realista para o futuro, especialmente com ambas em organizações rivais.